[Estreia] Tem Um Coração que Faz Barulho de Água

[Estreia] Tem Um Coração que Faz Barulho de Água

 

Cris Lisboa é daquelas escritoras que escrevem como se navegasse. Como se as linhas não fossem retilíneas ao chão, mas onduladas como a instabilidade da maré ao vento. Com 6 livros de ficção publicada, a autora, que é também fundadora e facilitadora da escola itinerante GO WRITES, se prepara para lançar seu mais novo livro, que estreia no dia 23 de abril: Tem Um Coração Que Faz Barulho na Água.

Pra quem ainda não conhece, o Go Writers projeto livre que desde 2013 repensa escrita, produção de conteúdo, diálogo e coexistência. Através de conexões não óbvias, aulas-mapa de saída da inércia e um propósito: deslocar corações, emoções e desejos. Do peito até a pontinha dos dedos. Por lá, alunas e alunos são sempre chamados de escribas. E aprendem através da experiência, do incentivo amoroso e de convites bem-humorados para que se repense o alcance da palavra e se entenda a palavra como uma possibilidade de “quebrar dentro de alguém um engradado de estrelas”.

 

Vale a pena dar uma olhada no blog/site oficial que, claro, além de ser uma ponte entre a Cris e as empresas e pessoas que passam por ela, tem a marca a sua assinada, que é o de inspirar e segurar fôlegos em cada postagem.

A sinopse de lançamento do livro, ÓBIVO, é outro encanto a parte:

 

“Escrevo o tempo todo. Mesmo enquanto tenho

ataques de riso, danço em pontos de ônibus ou conto

os dias para o Carnaval. Estou a escrever. Sobre

água, corações e outros demônios. Vez em quando,

pego os cadernos, as notas do celular, as anotações

miúdas nas bordas dos livros, e leio. Por motivos

desconhecidos, mania de oráculo, toques e saquês.

brinco de tarô, percebo que gosto de reza, falo com o

invisível, estou sempre a ouvir alguma canção. Sigo.

aí, teve aquele dia em que alguém me disse: “Teu

texto é de pirata, tem sempre um cheiro de mar”. Reli uns escritos soltos. É verdade. escrevo para amansar

vendavais e me devolver a capacidade de sístole e

diástole. No entanto, escrevo, sobretudo, para escoar

o misterioso mar que habita meu peito.”

 

O Livro lança no dia 23 e a Cris Lisboa, dona dessa nova obra de encher os olhos, é também facilitadora do time DMT.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *